Mega Man o mito!

Quem não conhece o o robô mais famoso dos games? Megaman é um clássico que vem conquistando fãs de gerações em gerações.

A saga começa em 1987, no Nintendo Entertaiment System (NES), ou, como é chamado no Brasil, nosso querido Nintendinho.

Mega Man foi criado por influência do personagem Astro Boy, segundo seu co-criador Keiji Inafune, e, dadas as alterações no personagem, queriam um robô que fosse o mais avançado possível, conseguindo até copiar os demais protótipos criados e se auto-instalar melhorias que foram aprendidas com eles.

O Azulzinho possui seu próprio universo, seus jogos percorrem diversas linhas do tempo entre o passado e o futuro do personagem, sua franquia é extensa, com personagens carismáticos e diversas modificações.

Para ter ideia, o personagem possui mais de 50 jogos! Isso mesmo, ele tem mais de 50 jogos em quase todas as plataformas, além, é claro, de participar de diversas outras franquias, como Super Smash Bros, por exemplo.

Seu criador original, Akira Kitamura, desenvolveu a ideia e o conceito inicial de imagem do personagem, participou da criação do primeiro e do segundo jogo da franquia em 1987, mas deixou a Capcom durante o desenvolvimento do terceiro, passando o legado para o atual “pai” da franquia, Keiji Inafune. Inicialmente, o personagem seria na cor branca, com suas armas coloridas para dar destaque na tela, porém, a cor branca era facilmente confundida com o plano de fundo, forçando os cenários a serem muito escuros, por isso, escolheram a cor azul, que tinha maior variedades de tons na paleta dos consoles 8 bits, que possuíam apenas 54 cores!

Keiji Inafune não criou o personagem Mega Man, mas aperfeiçou a ideia (Foto:Reprodução / g3ar)

Além disso, você já deve ter visto, em algum lugar, o nome do Megaman escrito como Rockman. Não existe uma história concreta, a teoria mais aceita por todos é a de que o nome era devido a trilha sonora, parecida com um rock’n’roll de 8 bits. Essa teoria é sustentada pelo fato de que sua melhor amiga se chama Roll. Não seria nada mau se lançassem uma versão “Rock & Roll”, onde a Roll fosse um personagem jogável! Ok, mas isso é só uma ideia maluca, vamos voltar.

Um dos nomes cogitados para a franquia, segundo a revista Famitsu, seria “The Battle Rainbow Rockman”, devido a troca de cores do personagem ao adquirir novas habilidades.

Resultado de imagem para Mega man gif

Os criadores não pouparam referências para a franquia. Dentro da história do jogo, os cientistas que participam de sua criação são Dr. Light (Thomas Light) e Dr. Wily (Albert Wily), claras referências aos cientistas Thomas Edson e Albert Einstein.

Os doutores estudaram juntos, ganharam prêmios, evoluíram juntos, mas os créditos pelas criações e benfeitorias eram todos voltados para o Dr. Light, o que acabou gerando uma grande revolta em Dr. Wily, que reprogramou todos os robôs para que atacassem a população e a cidade, provando que as máquinas do Light não eram tão seguras assim.

Dr. Light e Dr. Wily foram inspirados em Thomas Edison e Albert Einstein (Foto: Reprodução / Whatculture)

E por que a referência de Albert Einsten foi escolhida para ser o malvado da série? Isso não foi explicado, mas o que sabemos, pela história, é que a inveja do Dr. Wily é enorme, a ponto de dedicar a sua carreira para sabotar os plano de seu rival, deixando até um legado enorme para as próximas franquias!

Além de toda a história legal por trás da franquia, ainda temos aquele detalhe “in-game” que faz toda a diferença. Sabe qual é? É aquele túnel que separa a fase do boss. Quem já jogou qualquer jogo do azul sabe o que estamos falando.

Túnel antes dos chefes é um dos marcos da série (Foto: Reprodução / Whatculture)

Em um primeiro momento, essa passagem servia como ponto de save para aqueles que ainda possuíam vidas extras. Mas a grande verdade é que esse ponto servia para o console descarregar a memória RAM e dar uma folga para o hardware na luta com o Boss, que era um momento mais elaborado. A vinda de outros consoles com hardwares mais potentes possibilitarou tirar esse túnel, pois não seria mais necessário liberar memória, mas acharam que essa seria uma das marcas registradas da franquia, e que ainda hoje, nos jogos mais recentes, ainda possuem o sistema de portas antes do boss.

Mas e o MegaMan X? A série X veio depois, criada entre 1993 e 1994, onde a história gira em torno de um Paleontólogo chamado Dr. Cain, que, em uma de suas escavações, encontrou o laboratório do Dr. Light e um robô azul dentro de uma cápsula. Após colocar “X” em seu laboratório e ignorar todos os avisos deixados pelo Dr. Light na cápsula, Cain começa a criar seus próprios robôs com a mesma tecnologia e autonomia do protótipo, o projeto X, porém batizados de Reploids. Bom, daí, então, alguns Reploids se rebelam e se autodenominam Mavericks, e por aí a história se desdobra.

A parte legal sobre a série é que a história não acaba aqui, temos continuações e um bom enredo, sem perder a jogabilidade, é claro.

Resultado de imagem para megaman x gif

Mas o nosso Golden Bits não irá se estender até os tempos atuais do Mega. Também não quis dar destaques ao Zero, personagem importante na franquia. Ao começar a cogitar sua presença aqui, tive outra ideia, talvez faça um apanhado sobre todos os coadjuvantes da série.

Seria uma boa ideia? Comenta aqui pra gente saber!

Até o próximo!

Bônus: Mega Man é canhoto por causa das limitações de sprites dos consoles da época, hoje em dia podemos ver o personagem usando seu canhão com ambas as mãos. Mas, na dúvida, desenhe o canhão em sua mão esquerda!! kkk abraços

Resultado de imagem para is mega man left or right handed

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: